Agencias de Modelos, Top Models, Celebridades – O seu portal de informação
Show MenuHide Menu

A barba está na moda!

julho 19, 2013

DO RED CARPET ÀS NOVELAS BRASILEIRAS, OS FAMOSOS TAMBÉM ADERIRAM À BARBA (Foto: Getty Images / Paula Giolito (O Globo) / André Arruda (Editora Globo) / Alex Carvalho (TV Globo) / Cláudio Andrade (Editora Globo) / Divulgação)DO RED CARPET ÀS NOVELAS BRASILEIRAS, OS FAMOSOS TAMBÉM ADERIRAM À BARBA

Elas conseguiram suplantar tribos, classes sociais e crenças religiosas para se tornar o referencial estético do momento. Da vida real ao Olimpo de Hollywood, as barbas estão por toda parte. Na cerimônia do Oscar 2013, George Clooney, Bradley Cooper e Ben Affleck, entre outros, desfilaram com barbas espessas e bem cuidadas. Meses depois, os atores Adrien Brody, James Franco e Orland Bloom lideraram o grande grupo de barbados que circulou por festas, coletivas de imprensa e sessões de filmes no Festival de Cannes 2013. No Brasil, atores como Sergio Marone, Rodrigo Santoro e Bruno Gagliasso já aderiam ao estilo, embora não assumam que tenha sido por vaidade. “No meu caso, mais do que uma opção de estilo, acabo usando-a como um instrumento de trabalho”, diz Santoro. Para Marone, é uma questão de praticidade e preguiça. “Quando não preciso estar com ela feita, deixo assim.”

Em meados de 2012, o olhar atento do fotógrafo Jonathan Daniel Pryce sacou que a consagração desse “novo-velho” estilo era questão de tempo. Há cerca de um ano, o escocês, então radicado em Londres, iniciou o tumblr 100 Beards que resultou no livro “100 Beards, 100 Days “(“100 Barbas, 100 Dias”). O título, que deve ter a segunda edição lançada este mês, reúne fotos de homens anônimos (e barbados, claro). “Comecei o projeto porque percebi que a barba estava cada vez mais marcante nas ruas de Londres”, diz ele. Na internet também é fácil confirmar a nova mania masculina. O tumblr Faça Amor, Não Faça a Barba, criado, junto com três amigas, pela publicitária Carolina de Moura Florentino, 25 anos, é um dos que mais fazem sucesso. Só no Facebook são mais de 60 mil seguidores. Carolina diz que recebe cerca de 150 fotos por dia de leitores que querem ver suas barbas publicadas. Tudo surgiu, claro, da paixão das meninas por garotos com pelos (muitos!) no rosto. “É algo muito, muito masculino. Sabe aquela coisa de homem das cavernas? Que te protege?”, diz a publicitária.

CLIQUE NA FOTO E VEJA MAIS HOMENS QUE ADOTARAM A BARBA PARA COMPOR SEU VISUAL (Foto: Jonathan Daniel Pryce)CLIQUE NA FOTO E VEJA MAIS HOMENS QUE ADOTARAM A BARBA PARA COMPOR SEU VISUAL

TENDÊNCIA E CONSAGRAÇÃO
Pryce contou a Marie Claire que, inicialmente, a moda pegou nas regiões mais descoladas da capital inglesa. “Ao longo do trabalho, no entanto, percebi que era uma tendência que logo chegaria às massas”, afirma. “Desde que Ben Affleck deixou a dele crescer, passou a ser mais aceita”, diz o fotógrafo, hoje baseado em Paris, a idade onde, segundo ele, “as barbas estão em todo lugar”. As temporadas de moda, de acordo com Thereza Yee, editora de beleza do site de tendências WGSN, também chancelaram o visual. “A barba foi um elemento popular nos desfiles masculinos das temporadas outono-inverno 2013-2014 e apareceu de muitas formas nas passarelas. Mais densa, no desfile da marca Oliver Spencer, durante a Semana de Moda de Londres, ou mais raspada no de John Richmond, em Milão”, diz.

A demanda por barbados no mercado publicitário também tem afetado as agências de modelo, que agora estimulam agenciados a cultivarem o look. “De uns tempos para cá, vemos anúncios de marcas de relógio, perfume ou grifes de roupas com homens de barba”, afirma Anderson Baumgartner, booker da agência de modelos Way. “O próprio Marlon Teixeira (no momento um dos principais modelos masculinos do País) me disse que os clientes estão pedindo mais barbas. Recentemente, vi um modelo barbudo em um editorial da revista francesa Numéro e fui atrás dele para representá-lo. Ele só tem feito trabalhos com esse visual”, diz, referindo- se ao argentino Maximiliano, que apareceu na última campanha da Givenchy e atualmente também faz parte do casting da Way. Para o modelo, usar barba tem sido um passe para o sucesso. “Sempre trabalhei bem antes e com ela continuo em um ritmo muito bom”, diz.

TEM SIGNIFICADO
Historicamente, as idas e vindas das barbas no visual masculino sempre simbolizaram algo: a classe social do indivíduo, a tribo urbana ou a posição política com a qual se afinava. Agora, como pontua a professora de história da moda da Faculdade Santa Marcelina Miti Shitara, usar a barba não tem a ver com pertencer a um único grupo social. A volta do estilo está mais ligada à imagem do homem contemporâneo. “Vemos um indivíduo menos centrado em si, diferente de um metrossexual ou de um executivo. Ele está mais voltado para fora, para a natureza, é menos narcisista e, ainda que inconscientemente, vê na barba um elemento que contrapõe o padrão certinho, asséptico”, afirma Miti.

Para o consultor de moda André do Val, 33 anos, não se trata de um modismo. “É uma mudança de comportamento, algo mais perene. Homens usam hoje os pelos no rosto não só como sinal de masculinidade, mas como elemento de estilo, de vaidade. Quem diria, não é?”, diz. Ele aderiu ao visual barbado recentemente, pois percebeu que o look ajudava a disfarçar algo que o incomodava: “a falta de queixo”, afirma. O fotógrafo Simon Plestenjak, 36 anos, também aderiu: “já tinha deixado crescer um pouquinho, mas nunca tanto como agora. A barba é um acessório natural e exclusivo do homem”.

O FOTÓGRAFO JONATHAN DANIEL PRYCE, AUTOR DO LIVRO "100 BEARDS, 100 DAYS", DE ONDE FORAM TIRADAS AS FOTOS DESTA REPORTAGEM (Foto: JONATHAN DANIEL PRYCE)O FOTÓGRAFO JONATHAN DANIEL PRYCE, AUTOR DO LIVRO “100 BEARDS, 100 DAYS”, DE ONDE FORAM TIRADAS AS FOTOS DESTA REPORTAGEM

Os cientistas acreditam que os homens pré-históricos tornavam-se barbudos para proteger a face do frio e também para intimidar o inimigo. No Egito Antigo, os faraós raspavam todo o rosto, mas em ocasiões especiais usavam uma barba postiça. No século 19, o presidente americano Abraham Lincoln lançou moda com a barba cheia e em bigode. No século seguinte, isso mudou. “Durante boa parte do século 20, a barba foi um tabu para a classe alta da Europa e dos Estados Unidos”, afirma o consultor de moda Russel Smith em seu livro Men’s Style, sem tradução no Brasil. Até que chegaram os anos 70 e os pelos no rosto passaram a ser sinônimo de contestação do status quo – fosse em Che Guevara ou John Lennon.

Como os ciclos da moda são rápidos, nos anos 80, ter a cara limpa voltou a ser a única possibilidade. Nos anos 90, veio a nostalgia da década de 70 e a consagração do rock grunge. E elas cresceram novamente. O ar desleixado e depressivo de Kurt Cobain, o vocalista problemático do Nirvana, era finalizado por uma barba mal-feita, a chamada “barba dos três dias”. Na primeira década deste milênio, o jeito meio nerd dos garotos do indie, o movimento musical que propunha a produção independente, também incluia o look barbudo. Eles pareciam fazer questão de passar longe do estilo impecável dos metrossexuais, em alta na época. A tribo urbana que se identificava com o indie ficou conhecida como hipsters, jovens que, como os garotos da música, tinham muito acesso à tecnologia. Alinhados com tudo que havia de tendência na moda, nas artes e no comportamento, os hipsters também deixaram a barba crescer.

Hoje, em cidades como Londres, Paris e, mais timidamente, São Paulo, até mesmo as antigas e quase extintas barbearias voltaram – na capital paulista, por exemplo, a Barbearia 9 de Julho já tem cinco unidades abertas em sete anos. É na capital inglesa, no entanto, onde o fotógrafo Jonathan Daniel Pryce atesta estarem os barbados mais estilosos. Especificamente em East London, em lugares como Shoreditch, Dalston, Hackney. “Essa região tem sido o epicentro do estilo nos últimos anos. Em West End, ainda encontram-e os típicos cavalheiros ingleses, com seus ternos risca-de-giz bem cortados e chapéu coco”, diz. Segundo ele, esse estilo dândi também está voltando. Mas isso é assunto para outro livro.

Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Beleza e modelos femininos Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Principais agencias de modelos Principais Grover-Fashion Agencias de Modelos do País Informações sobre agencias de modelos e modelos Fashionlines Modelos Masculinos Internacionais Eleitas as melhores agencias de modelos do Brasil Ranking das Melhores Agencias de modelos do Brasil